Quais são os principais riscos das operações de transporte de cargas?

principais riscos do transporte de cargas

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Você sabe quais são os riscos do transporte de cargas? Pois bem, eles são muitos! Desde a saída até a chegada das mercadorias, diversas coisas podem acontecer.

Diante de todas as demandas e exigências, são muitos os fatores a serem cuidadosamente avaliados. Até porque os riscos não estão apenas relacionados À empresa, mas também aos clientes que contratam o transporte de mercadorias e aos colaboradores do processo.

Faça o download deste post inserindo seu e-mail abaixo

Não se preocupe, não fazemos spam.

 

Afinal, você sabe como funciona um transporte de cargas? Esse tipo de operação envolve muitas pessoas e, em todos os momentos, podem existir perigos para elas. Para um gestor de frota, a melhor coisa a fazer é aprender sobre o assunto para poder prevenir acidentes.

Assim, trouxemos aqui os principais riscos na operação de transporte de cargas para você poder se preparar melhor.

Precariedade da estrutura rodoviária

Ainda que o Brasil seja altamente dependente do transporte rodoviário para distribuição de produtos e matérias primas, a estrutura do sistema deixa bastante a desejar. Em muitas regiões, as rodovias são a principal, ou única rota disponível.

No entanto, as condições destas vias não tem acompanhado o crescimento da economia e do mercado de transportes. Trechos de asfalto esburacado, desnivelado ou até inexistente, infelizmente, ainda são realidade na rotina de muitas empresas.

O GUIA DA
GESTÃO DE FROTAS

Dessa maneira, trabalhadores e gestores se vêem obrigados a sujeitar-se aos perigos e gastos desnecessários da circulação em estradas mal conservadas. A melhor alternativa que podem seguir é planejar cuidadosamente as rotas do transporte para causar o menor dano possível.

Sobrecarga de veículos

Por conta dos custos de viagens na realidade da operação, algumas empresas que pensam estar otimizando ou “aproveitando” cargas cometem erros de planejamento. Na ânsia de poupar recursos a curto prazo, os veículos acabam transportando cargas em quantidades e condições diferente do indicado e/ou estabelecido por procedimentos e leis.

Nesses casos, além da possibilidade de ter que arcar com multas e outros tipos de penalidades, as empresas e profissionais estão prejudicando a performance dos veículos e encurtando a durabilidade de peças, componentes, acessórios e, Às vezes, até do próprio veículo.

Cuidados com a carga

Além de não sobrecarregar veículos, certifique-se de que a operação ocorra com todos os cuidados específicos para o tipo de carga sendo transportada. Ou seja:

  • o veículo deve ser o ideal para a mercadoria (por exemplo, comidas congeladas devem ser movidas em caminhões frigoríficos);
  • as embalagens devem ser bem fechadas e adequadas para cada tipo de produto;
  • instruções de manuseio devem ser dadas pelos responsáveis de cada mercadoria e seguidas por todos os motoristas e envolvidos no processo de transporte.

Instrução e treinamento da equipe

Quando se fala de transportes rodoviários, existem diferentes modelos de operações. As realidades de quilômetros rodados, o tempo de duração da viagem e a frequência de revisões e manutenções nos veículos da frota variam de acordo com o negócio da empresa, o tipo de carga e veículos.

No entanto, há um fator que é comum entre todas as empresas: os motoristas.

É essencial que a empresa consiga manter um padrão de comportamento e boas práticas de direção e conservação dos veículos. Além disso, é importante disseminá-los para a equipe através de treinamentos, questionários e avaliações. Tais padrões e práticas podem contribuir para a eficiência da operação, segurança dos colaboradores e redução de custos gerais da empresa.

Manutenção de veículos

Definir parâmetros e cronogramas para atividades como checklist de veículos e gestão de pneus é vital. Ainda mais, a organização de ordens de serviço e demandas de manutenção ajuda a garantir que os veículos estejam em perfeitas condições de rodagem, mantendo a eficiência da frota.

Não cumprir com o cronograma planejado de manutenção do veículo pode gerar riscos para toda a operação de transporte. Tanto por danos físicos e materiais quanto um aumento de gastos no gerenciamento financeiro.

Roubos de carga

Infelizmente, essa é uma realidade. Em muitas rodovias, ocorrem roubos de diversos tipos de transportes e cargas. Às vezes é por causa do tipo do veículo, outras, pela própria carga. O rastreamento e monitoramento de veículos é algo que ajuda bastante a entender onde e porque os roubos acontecem.

Assim, você pode, pelo menos, aprender a planejar melhor as rotas e evitar os principais locais de assaltos.

Multas e apreensões

Aqui, o risco é muito mais um dano financeiro a transportadora do que de acidentes no transporte. E por que isso?

No Brasil, a legislação tem extensas páginas falando sobre o transporte de cargas. Assim, se o gestor de frota não tem conhecimento de alguma das normas, o motorista pode acabar levando uma multa durante a viagem — e esta pode ser de valor bastante alto.

Em casos de infrações mais graves, o veículo pode até mesmo ser apreendido. Desse modo, podendo causar diversos problemas como atrasos na entrega da carga, estrago de mercadorias e aumento de despesas.

Conseguiu entender melhor os riscos do transporte de cargas? Continue aprendendo a melhorar sua gestão de frota com nossos conteúdos no blog e nas redes sociais! Estamos no Instagram, Facebook e LinkedIn — basta escolher seu canal preferido e seguir a gente por lá.

Economize mais aumentando a vida útil dos pneus de sua frota.

Entenda como a solução de Gestão de Pneus do Prolog faz isso por você.

Aproveite e leia também

Melhorando a produtividade da frota de veículos.

A chave da produtividade para a sua frota de veículos

As operações de transporte representam altos custos e, ao contrário do que pode parecer, isso não é sinônimo de eficiência.…

Read Story
como fazer um bom controle de frota

O que os gestores fazem quando precisam melhorar o controle de frotas?

Que tal descobrir 11 maneiras de melhorar o seu controle de frota? Leia esse texto para saber TUDO que você…

Read Story
escolha um sistema para transportadoras

Como escolher um sistema para transportadoras?

Os processos de uma operação de transportes podem ser muito mais simples e rápidos com a ajuda da tecnologia: um…

Read Story
Open Sidebar Open Sidebar
Arrow-up
Translate »