Descubra o quanto sua operação está deixando de economizar todos os meses através da calculadora do Prolog.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp

Por que o pneu estoura? Confira os 8 principais motivos

O estouro de um pneu, além de aumentar as chances de acidentes, pode prejudicar toda a estrutura do caminhão e gerar altos gastos financeiros. Descubra por que o pneu estoura e evite situações de emergência com as nossas dicas.
Saiba por que o pneu estoura e como lidar com a situação.

Quer entender melhor por que o pneu estoura e como prevenir esse tipo de ocorrência? Os motivos são diversos, mas a sua frota está suscetível a todos.

Afinal, ao dirigir, o motorista fica sujeito a diversos imprevistos e, um deles, é o pneu estourado.

Imagine sair para uma viagem e ter os objetivos e metas da empresa atrasados por conta da falta de gestão dos pneus? Esse tipo de imprevisto acontece e pode até mesmo cancelar uma entrega sem aviso.

Você precisa conhecer os cuidados básicos e entender todos os riscos de uma operação de transporte. Dentre eles, os motivos que podem levar ao estouro de um pneu. Que, além dos gastos financeiros, também aumentam os riscos de acidentes.

São conhecimentos essenciais para saber como agir e como instruir seus motoristas a lidarem com cada situação. Hoje, tratando dos pneus, começamos com a pergunta:

Por que o pneu estoura?

Podem ser muitos os motivos que levam ao estouro dos pneus, o principal é a calibragem incorreta. Mas outras causas são a formação de bolhas e a direção irresponsável.

Detalhamos todos os motivos a seguir:

1. Formação de bolhas

As bolhas nos pneus são facilmente visíveis. Basta observar o pneu e, caso encontre algumas partes da borracha “estufadas”, trocar imediatamente pelo estepe — ou, caso ainda não tenha saído para viagem, encaminhar o veículo para o serviço de troca de pneu.

Planilha gratuita para o controle de pneus na frota

Organize em um só lugar o registro de todos os pneus de sua operação e reduza custos através de uma maior vida útil e menor consumo de combustível.
Eu concordo com os Termos de Uso e aceito receber conteúdo educacional e promocional relacionado com os produtos e serviços da PrologApp.

Essa formação de bolhas acontece ao dirigir em rodovias em más condições ou não realizar a manutenção correta dos pneus. Assim, eles ficam mais propícios a receber danos que podem levar ao estouro.

2. Transitar em estrada de terra

Estradas desse tipo possuem buracos, pedras, galhos, poças de água e obstáculos que exigem muito mais dos pneus e amortecedores do veículo.

Aqui, a manutenção e pressão correta desses componentes do caminhão são cruciais, assim como a escolha do tipo certo de pneu para a estrada.

3. Possuir excesso de calibragem

Ao adquirir um veículo, é muito importante conferir o manual. Nele, você encontra a calibragem de pneus recomendada. Este é um detalhe muito significativo, pois, segundo o Detran, a alta pressão do pneu é o principal motivo que leva ao estouro.

Afinal, o excesso de pressão fica acumulado e o escapamento natural de ar pode demorar a ocorrer, precisando o excesso escapar por algum lugar.

Por isso, a calibragem acima do normal aumenta tanto as chances do pneu estourar. Cuidado para encher apenas o necessário que suporta de forma equilibrada o peso exercido do veículo e carga.

4. Possuir baixa calibragem

Em caso de baixa pressão, os pneus ficam murchos, recebendo mais danos na carcaça e amortecedor. No mesmo sentido, o veículo fica sensível a qualquer obstáculo das rodovias, aumentando o recebimento de impactos.

Ainda que seja raro, também pode ocorrer o detalonamento, quando o pneu solta da roda.

Além disso, a calibragem incorreta, tanto baixa quanto alta, aumenta o gasto de combustível e o desgaste dos pneus.

5. Amortecedores velhos

Os amortecedores desgastados e sem revisão ocasionam uma série de problemas que influenciam negativamente nos pneus.

Quando estão velhos, eles realizam movimentos como mergulho da dianteira, rebaixamento da traseira na frenagem e perda de estabilidade do veículo em curvas.

Essas consequências sobrecarregam os pneus, dianteiros e traseiros, e podem ser a causa do por que o pneu estoura.

6. Válvulas do pneu desreguladas

As válvulas do pneu, conhecidas popularmente como “bicos de pressão”, são responsáveis por manter a pressão dos pneus estável.

Com a velocidade, sofrem desgastes devido à pressão que recebem dos movimentos de rotação da roda.

Quando apresentam defeito ou desgaste, os pneus podem perder a pressão de duas formas: gradual ou subitamente. O resultado depende do nível de gravidade da deterioração da peça.

É nessa perda de pressão que o pneu fica suscetível a estourar.

7. Veículo atolado

O pneu também pode estourar durante um atolamento. Se você atolar o veículo e insistir na aceleração, ele vai friccionar contra o solo, aquecer e gerar o estouro.

8. Direção irresponsável

Dirigir em alta velocidade é uma causa rara de estouro de pneu, mas pode acontecer. Na verdade, quando o pneu não está com a manutenção em dia, é até “normal” estourar. Mas, ainda assim, é preciso treinar os motoristas das boas práticas de direção.

Outra situação que pode acontecer, igualmente rara, são erros no projeto do pneu ou falha de fábrica não identificados, apresentando problemas na estrutura dos pneus que causam o estouro.

O que fazer em caso de estouro?

Se você está dirigindo e o pneu estoura, existem algumas medidas de emergência que o motorista pode tomar. Então, você deve instruir ao seu caminhoneiro que mantenha a calma e:

  • Acione o alerta do veículo e reduza a velocidade aos poucos, mantendo o caminhão em linha reta.
  • Pare o veículo no acostamento ou em um local de pouco movimento.
  • Faça a sinalização adequada, usando o triângulo.
  • Troque o pneu utilizando o estepe.
  • Caso não saiba realizar a troca do pneu ou acredite que o veículo tenha sofrido maiores danos, entre em contato com a gestão da empresa.
  • Encaminhe o caminhão para um borracheiro de sua confiança para uma revisão.
  • Se o estouro acontecer durante um atolamento, procure ajuda de um guincho profissional e, em seguida, encaminhe o veículo para a manutenção e revisão.

Como prevenir acidentes?

O primeiro e mais simples cuidado deve ser ao dirigir. Evite estradas esburacadas, com poças de água e pedras, respeite o limite de velocidade e esteja atento às sinalizações para evitar “balanços” ou desequilíbrios.

Após entender por que o pneu estoura, você já deve estar ciente de outros cuidados básicos:

  • Pratique o controle dos pneus através de uma manutenção frequente;
  • Calibre os pneus segundo pressão recomendada;
  • Realize rodízios, em média, a cada 10 mil km rodados;
  • Monitore a profundidade dos sulcos;
  • Faça a troca de peças desgastadas.

Fica o aviso: em qualquer instabilidade ao dirigir, encaminhe o veículo para revisão na oficina.

O que saber além do por que o pneu estoura? Quais são outras ocorrências?

Pneus desgastados, por exemplo, podem não aderir bem às estradas em dias chuvosos e “flutuar” na pista — chamamos essa situação de aquaplanagem.

Para evitá-la, verifique a profundidade dos sulcos com regularidade. Eles são os responsáveis por drenar a água, gerar aderência na pista e refrigerar os pneus. A atenção deve estar no seu limite mínimo ideal.

Além de serem um dos motivos por que o pneu estoura, os buracos também são um perigo para outras ocorrências. Eles podem causar o desprendimento do pneu ou rachaduras na sua estrutura, principalmente quando o motorista está em alta velocidade ou com uma visão ruim do percurso.

Agora que você sabe por que um pneu estoura e o que fazer para evitar esse tipo de ocorrência, o que acha de contar com uma ajudinha do Prolog?

Disponibilizamos gratuitamente um kit para gestão de pneus que pode ajudá-lo a realizar um cuidado mais adequado e preciso. Clique aqui e baixe agora para receber:

  • Planilha de controle de pneus
  • Guia completo para gerar economia e produtividade na sua frota

Autor

Luiz Felipe

Sócio fundador e CTO na Prolog App

Leia também

Que tal receber conteúdos incríveis como estes e totalmente de graça?

Inscreva-se e reveba as melhores dicas e novidades para melhorar os seus resultados e de sua operação na gestão de sua frota.

O Prolog utiliza as informações de contato fornecidas à nós para informá-los de nossos produtos e serviços. Você pode deixar de ser inscrito a qualquer momento. Para saber mais informações de como ajustar suas configurações de privacidade, confira nosso “Termo de Uso” e nossa “Política de Privacidade”.

Gestão de pneus ágil e descomplicada para mais economia e segurança

Esqueça a papelada! O controle de sua frota na palma de sua mão.

Além destes, temos outros materiais para te ajudar na gestão de sua frota.

O conteúdo que você já gosta e acompanha sobre o universo da gestão de frotas também está em vídeos publicados semanalmente e lives exclusivas com convidados.

O conteúdo que você já gosta e acompanha sobre o universo da gestão de frotas também está em vídeos publicados semanalmente e lives exclusivas com convidados.

Soluções

Gestão de pneus ágil e descomplicada para mais economia e segurança.

Esqueça a papelada! O controle de sua frota na palma de sua mão.

Gestão de pneus ágil e descomplicada para mais economia e segurança

Esqueça a papelada! O controle de sua frota na palma de sua mão.