Gestor de frotas: o que você precisa para se tornar um?

todas as habilidades que um gestor de frota deve ter

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

O gestor de frota desempenha um papel fundamental nas transportadoras. Sem ele, os processos dificilmente funcionarão correta e eficientemente.

Mas claro, ele só terá tamanha importância caso saiba o que está fazendo e tenha as habilidades necessárias para performar esse papel.

Cuidar da gestão de profissionais e fornecedores, analisar e controlar gastos e veículos das operações são algumas das principais funções do gestor. Indo mais adiante, também é o responsável por analisar dados e planejar ações de melhoria nas operações de transporte.

Veja as principais habilidades do gestor de frota para evoluir a sua carreira.

Conhecimento de mercado

A primeira coisa que deveria estar nessa lista é a mais óbvia, mas que deve ser ressaltada. O gestor de frota precisa conhecer o mercado em que ele está inserido: o do transporte de cargas e/ou passageiros.

Mais do que apenas conhecer, é preciso estar constantemente se atualizando.

Estar inteirado das tendências, legislação, entre outros assuntos que podem influenciar na produtividade das frotas é essencial.

Igualmente importante é o:

O GUIA DA
GESTÃO DE FROTAS

Conhecimento em tecnologia

Da mesma maneira que saber os processos ajuda a tomar decisões sobre como implementar melhorias, conhecer as tecnologias, como elas funcionam e o que elas fazem é fundamental para selecionar as melhores alternativas conforme as necessidades da transportadora.

Gestão financeira

Parte do trabalho do gestor é cuidar das finanças das operações de transporte, certo? Portanto, uma habilidade que deve praticar é a gestão financeira. Deve estar sempre buscando novos conhecimentos sobre a área e controlando os custos.

Seja através de planilhas ou de sistemas, o gestor precisa saber cada centavo que tem disponível e que foi gasto. Assim, entende o que acontece na frota e sabe quais caminhos tomar para otimizar os recursos. 

Tudo isso quer dizer que o gestor de frota também precisa da:

Capacidade de planejamento

Sem ela, as ações pensadas para a frota terão pouco embasamento e eficiência. Na verdade, é ainda capaz de tomar decisões com impactos negativos. Isso você quer evitar ao máximo.

Às vezes é necessário tomar riscos, mas tudo deve ser segundo um planejamento prévio, com objetivos, metas e passo a passo definidos.

Para isso, uma habilidade essencial…

Organização

Como foi mencionado, as responsabilidades do gestor de frota variam entre diversos setores. Por isso, esse profissional deve ter uma grande habilidade em organizar processos e, mais ainda, de ter controle sobre eles.

A melhor maneira de fazer isso é criando padronizações dentro de cada setor, tanto para realizar uma manutenção preventiva ou gerar um relatório, todos os colaboradores devem estar cientes de como fazer a tarefa de determinada maneira.

Isso aumenta a produtividade e gera resultados melhores ao longo do tempo.

A verdadeira pergunta aqui é: você está fazendo isso?

Está buscando soluções para atingir esses resultados? Está criando métodos de organização e cumprindo com todas as obrigações sem causar grandes erros?

Disciplina e proatividade

Aqui, em muitos casos, é uma questão de boa vontade e determinação. É sobre persistir quando ocorre um erro, buscar a solução em outro caminho, inovar, facilitar, e assim por diante.

A disciplina diz respeito a cumprir com o necessário enquanto a proatividade faz o gestor buscar melhorias onde ninguém olhou ainda. Essas duas habilidades complementam uma à outra e, também, à próxima:

Liderança

É o gestor de frota quem lida com as equipes, delegando funções e supervisionando o trabalho de todos. Além disso, também precisa estar em contato direto com os fornecedores da transportadora.

Isso quer dizer que essa pessoa tem a obrigação de ser um bom líder. Dessa forma, precisa sempre agir como um exemplo para sua equipe, evitando perder a paciência, buscando dar dicas, conselhos, ensinar quando alguém comete um erro.

Deve prezar pela qualidade e segurança dos serviços antes de, por exemplo, priorizar uma “falsa produtividade”, com o maior número de operações e entregas no menor período possível.

Dito isto, só é possível ser um bom líder ao trabalhar uma boa: 

Comunicação

Saber o que, como e quando falar. Isso é uma habilidade inquestionável. Inclusive, não é apenas o gestor de frota que deve trabalhá-la, mas todos os colaboradores da equipe. 

Afinal, para estabelecer uma boa comunicação, são necessários dois lados.

O que mais você precisa saber?

Baixe o Guia da Gestão de Frotas e descubra tudo o que você precisa para fazer uma gestão mais completa e produtiva. É gratuito!

Economize mais aumentando a vida útil dos pneus de sua frota.

Entenda como a solução de Gestão de Pneus do Prolog faz isso por você.

Aproveite e leia também

como construir uma ferramenta de business intelligence na logística? venha descobrir

O que é necessário para construir um BI para suas operações de transportes?

Usar o business intelligence na logística da sua empresa é uma etapa determinante nos resultados. É através desse tipo de…

Read Story
entenda como um programa para controle de pneus ajuda a sua frota

Programa para controle de pneus: por que você precisa de um

Você é responsável pelos cuidados com pneus da frota? Então deve saber que é essencial ter um método ou um…

Read Story
todas as habilidades que um gestor de frota deve ter

Gestor de frotas: o que você precisa para se tornar um?

O gestor de frota desempenha um papel fundamental nas transportadoras. Sem ele, os processos dificilmente funcionarão correta e eficientemente. Mas…

Read Story
Arrow-up