Descubra o quanto sua operação está deixando de economizar todos os meses através da calculadora do Prolog.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp

Dicionário de frotas: conheça todos os termos usados na rotina de uma operação de transportes

Você ainda está dando os primeiros passos na gestão de frotas? Conheça agora todos os principais termos utilizados!
Conheça tudo sobre gestão de frotas com esse glossário.

A gestão de frotas é uma parte essencial das operações de transportes, seja de cargas ou passageiros. Nela, há muitos processos envolvidos e, assim, muitos termos próprios da área.

Para quem ainda está começando a aprender sobre logística e transporte rodoviário, é fundamental entender os principais termos da área para conseguir se encontrar e iniciar os estudos a fundo de como lidar com as responsabilidades de uma gestão.

Mesmo para quem já é gestor ou já está envolvido em alguma função na transportadora, podem surgir novas palavras e expressões conforme o passar do tempo. Por isso, é sempre importante estar atento às novidades do mercado logístico.

Confira agora o glossário com os principais termos que preparamos:

Gestão de frotas

Diz respeito ao gerenciamento de todas as áreas de uma frota, desde a compra dos veículos até os cuidados com pneus e controle de abastecimento de combustível.

O responsável pela gestão de frotas deve ser um profissional com conhecimentos práticos e teóricos, além de habilidades interpessoais, organização e raciocínio lógico para realizar os planejamentos estratégicos e soluções inteligentes para os problemas e desafios que a empresa enfrenta.

Gestão de pneus

A gestão de pneus surgiu há alguns anos como meio de economizar nas compras dessas peças, que possuem alto valor e, até então, tinham pouca durabilidade — não chegando nem aos 5 anos de “validade” que possuem.

Recentemente, começou a se expandir nas frotas brasileiras como uma parte essencial da rotina. Afinal, os resultados e impactos gerados na economia da frota são bastante positivos.

Planilha gratuita para o controle de pneus na frota

Organize em um só lugar o registro de todos os pneus de sua operação e reduza custos através de uma maior vida útil e menor consumo de combustível.
Eu concordo com os Termos de Uso e aceito receber conteúdo educacional e promocional relacionado com os produtos e serviços da PrologApp.

Ela ainda traz consigo outros termos que você precisa conhecer:

Aferição de pneus (ou inspeção de pneus)

A inspeção ou aferição dos pneus é o processo de coletar a pressão dos pneus, assim como de medir a profundidade dos sulcos. 

É um processo que pode ser realizado de forma totalmente manual, com um paquímetro, onde o motorista o insere nos sulcos, faz a leitura por conta própria e anota em papel os números. 

Ou, de maneira digital, usa-se o aferidor eletrônico. Com este, a inserção nos sulcos ainda é feita manualmente, mas a leitura e registro de dados é toda automatizada no software de gestão de pneus.

Sulcos dos pneus

Os sulcos são os desenhos dos pneus, ou ranhuras, como também são chamados. Eles servem, principalmente, para ajudar na passagem da água nos pneus, evitando derrapagem e aquaplanagem. Também auxilia na passagem de ar, gerando aderência ao solo.

Normalmente, quanto mais profundos os sulcos, maior será sua resistência às estradas.

Além disso, no fundo de cada sulco há o TWI:

TWI – Tread Wear Indicator

Em português, chama-se o “indicador de desgaste do pneu” e seu nome é bem auto-explicativo.

Esse indicador é uma marca no fundo dos sulcos, que mostra o limite máximo que os sulcos podem chegar (desgastar) — inclusive, imposto por lei, este é de 1,6 mm.

Pressão dos pneus

A pressão dos pneus é indicada na calibragem. Cada fabricante já faz testes e determina, previamente, uma inflação de pressão recomendada para cada modelo de pneu. 

Geralmente, são previsões certeiras e rodar com essa pressão ajuda a dar uma vida útil prolongada às peças.

Porém, com a gestão de pneus, faz-se o acompanhamento semanal da pressão para entender como ela pode estar acelerando o desgaste da banda de rodagem. Assim, fazendo ajustes (para cima ou para baixo) conforme notar alterações incomuns.

Manutenção da frota

A manutenção de frota pode ser tanto para prevenir problemas quanto para corrigi-los. Confira os tipos de manutenção mais comuns:

Manutenção preventiva

Este modelo de manutenção é realizado seguindo um cronograma pré-definido e através de checklists de inspeção de veículos criados, usualmente, para cada momento.

Os veículos são verificados diariamente, na saída e chegada de cada rota, para os itens mais importantes, como faróis, nível de combustível, pneus, cinto de segurança, entre outros. Já em viagens de longa distância, a inspeção deve ser com um checklist completo, incluindo todos os componentes do caminhão.

É pela prevenção que são realizadas tarefas rotineiras também, aquelas que impedem maiores problemas mecânicos. Por exemplo, o rodízio de pneus, o alinhamento e balanceamento das rodas e a troca de óleo do motor.

Caso alguma falha seja encontrada, que possa comprometer o funcionamento do veículo, este deve ser encaminhado para a manutenção corretiva.

Manutenção corretiva

Em muitas frotas, este é o tipo mais comum de manutenção — um erro. Além de ser mais cara, o veículo fica parado por mais tempo e, em alguns casos, pode até sofrer uma perda total. Isto apenas porque não foi feita a conservação adequada através da manutenção preventiva.

Na correção, são realizados consertos e trocas de peças. Isto, buscando sempre dar mais tempo de vida ao veículo.

Manutenção preditiva

Menos comum que as demais, a manutenção preditiva é algo mais recente na gestão de frotas. Ela é um plano de manutenção de frota que usa tecnologias mais avançadas para detectar os problemas antes que eles aconteçam.

Um dos dispositivos utilizados detecta as vibrações do veículo. Por meio dele, é identificado um padrão considerado normal. A partir disto, a visualização de quando as vibrações aumentam é detectada com muita rapidez, antes mesmo de o próprio motorista perceber que pode ter algum problema.

Nesse caso, o aumento de vibrações pode indicar um problema na suspensão, de calibragem ou alinhamento, por exemplo. Podendo ser feita uma antecipação da correção e barateando os custos a longo prazo — já que o veículo não está, de fato, quebrado, apenas passando por um processo de análise e prevenção.

Tecnologia logística

A tecnologia está tomando conta das frotas. Nos últimos 6 anos, as logtechs surgiram com as mais variadas soluções tecnológicas e facilitadoras para a gestão de frotas.

Programas de controle financeiro, administrativo, de veículos, pneus, manutenções, abastecimento, e muito mais. Você já consegue encontrar alternativas para todas as etapas de uma operação de transporte.

E, quando falamos em tecnologia, surgem alguns outros termos relacionados:

ERP – Enterprise Resource Planning

Esse sistema de gestão pode ser utilizado em diversos modelos de negócio, mesmo fora da logística. Afinal, eles são, em tradução do termo, os “planejadores de recursos da empresa”.

Hoje, já há soluções voltadas especificamente para as frotas, que incluem funcionalidades de controle de pneus e manutenções do veículo também. Algo que soluções mais generalizadas para todos os tipos de negócio não possuem.

API – Application Programming Interface

Esse termo, também do inglês, pode ser lido como “interface de programação de aplicação”. Parece um pouco estranho, mas é, na verdade, bem simples:

É um estilo de aplicativo programado para integrar plataformas que a empresa utiliza.

Dessa maneira, se a empresa possui um ERP e um sistema separado para a gestão de pneus, por exemplo, pode usar o API para unir informações nas duas ferramentas — sem a necessidade ter retrabalho passando dados de uma para a outra.

SaaS – Software as a Service

Com tantas tecnologias surgindo, a instalação de novos sistemas na máquina ou celular da empresa pode pesar bastante. Por isso, começaram a ser desenvolvidos os chamados “software as a service” como alternativa.

Ou seja, sistemas que podem ser utilizados sem a instalação em hardware e atualizações do mesmo.

Se você conferir as tendências da gestão de frotas deste ano, com certeza vai encontrar alguém falando sobre os serviços em nuvem — por onde os SaaS também podem funcionar.

Dashboard

A dashboard, ou painel de controle, é a visualização central que cada sistema apresenta. Nela, estão os principais dados que o sistema gerencia. 

Portanto, uma gestão de manutenção mostra a quantidade de veículos ativos na frota, além de quantos estão em etapa de correção e quantos estão com a inspeção vencida.

Alguns dashboards também mostram gráficos e análises gerais da frota, como o item com maior quantidade de OSs abertas ou o veículo que mais apresentou problemas nos últimos 6 meses.

Este é apenas um exemplo e as informações podem variar conforme a finalidade do sistema que você usa. Para entender mais sobre as tecnologias logísticas e como elas funcionam, você pode fazer o download grátis do nosso material.


Ah, e fique ligado para não perder a parte 2 do nosso glossário de gestão de frotas. Entre em nosso grupo exclusivo do WhatsApp para receber a publicação assim que sair.

Autor

Luiz Felipe

Sócio fundador e CTO na Prolog App

Leia também

Que tal receber conteúdos incríveis como estes e totalmente de graça?

Inscreva-se e reveba as melhores dicas e novidades para melhorar os seus resultados e de sua operação na gestão de sua frota.

O Prolog utiliza as informações de contato fornecidas à nós para informá-los de nossos produtos e serviços. Você pode deixar de ser inscrito a qualquer momento. Para saber mais informações de como ajustar suas configurações de privacidade, confira nosso “Termo de Uso” e nossa “Política de Privacidade”.

Gestão de pneus ágil e descomplicada para mais economia e segurança

Esqueça a papelada! O controle de sua frota na palma de sua mão.

Além destes, temos outros materiais para te ajudar na gestão de sua frota.

O conteúdo que você já gosta e acompanha sobre o universo da gestão de frotas também está em vídeos publicados semanalmente e lives exclusivas com convidados.

O conteúdo que você já gosta e acompanha sobre o universo da gestão de frotas também está em vídeos publicados semanalmente e lives exclusivas com convidados.

Soluções

Gestão de pneus ágil e descomplicada para mais economia e segurança.

Esqueça a papelada! O controle de sua frota na palma de sua mão.

Gestão de pneus ágil e descomplicada para mais economia e segurança

Esqueça a papelada! O controle de sua frota na palma de sua mão.